Lançamento - Livro “Bem Ditas Cartas"


 

Um projeto criado para ser um respiro em meio ao caos pandêmico, que foi premiado e conseguiu virar livro. O motivo? Você, que está aqui agora lendo este texto. Esse livro é o produto final dos trabalhos de um edital que se encerrou nesta semana. Um livro escrito em dois meses e gerado graças a um abraço coletivo tão especial que quase nem cabe em palavras. E hoje viemos aqui pra te agradecer. 

Primeiro de tudo aos nossos leitores/espectadores. Amigos antigos e novos amigos, que impulsionaram o BemDitas com seu olhar gentil e com sua poesia sensível. Sem as cartas colaborativas não teríamos chegado até aqui. Salvamos a quarentena uns dos outros através das nossas trocas e graças também a isso tem sido mais leve sobreviver. Vocês são massa! 

Agradecemos muito à Carol Frandsen, que com tanto carinho ilustrou nossa capa e nossas folhas, ressignificando nossos sentimentos ao misturá-los aos seus com a maior delicadeza possível. Decidir julgar pela capa, nesse caso, é válido demais! 

Ao nosso amigo Alexandre Lúcio, que fez a diagramação das nossas palavras e foi tão paciente e atencioso que deveria dar aulas para muitos profissionais por aí. O design sóbrio e elegante impresso nessa obra só foi possível por conta do seu olhar. 

Gratidão imensa à Débora Gomes, escritora, roteirista, jornalista e dona de algumas das palavras mais bonitas do mundo, que aceitou fazer nosso prefácio, estendendo um tapete voador que te convida a passear por nossas cartas, através de uma também carta, que é feita de céu azulzim.

Agradecemos ainda, com muito carinho, à escritora, colaboradora e amiga Ana Márcia, que está ali na nossa orelha, te contando do que sentiu e do que você deve esperar ao passear em nossas páginas.

E, por último, quem norteou todo esse processo através da arte de criação da nossa logo, fazendo a identidade visual mais harmônica possível: Diogo e Átila, da "Canela de Ema".

A presença de todos vocês, que estiveram com a gente nesse caminho, foi essencial. Não fossemos nós, juntinhos, nada disso seria.

Muito, muito, muito obrigadas!

Com carinho sempre,
Jaya Magalhães — @bemditascartas.

Para adquirir, vem de comentário ou mande e-mail para: bemditascartas@gmail.com.

0 Comentários

Remetentes